50 anos de Bariani Ortencio na literatura goiana

por Virgínia Furtado  

Quem vê este senhor com passos largos e fortes não imagina que com 83 anos de pura força e inteligência acaba de completar 50 anos de literatura goiana.

Bariani Ortencio me recebe em sua casa no centro da capital goiana. Educadamente nos dirige ao seu local de trabalho; uma biblioteca, com acervo espetacular, de encher os olhos.

Fotos de capas dos livros publicados preenchem o espaço em branco acima da vasta coleção de livros. Viola, violão, carro de boi, em meio aos livros, computador e muitos, mas muitos LPS.Não se pode esquecer de dizer, que além de escritor, o camaleão da literatura goiana, é também compositor, inclusive com versões; como TÃO SOMENTE UMA VEZ, gravada por Lindomar Castilho e Carmem Silva.

Nascido em Igarapava interior de São Paulo,em 24 de julho de 1923,mas foi registrado em 24 de outubro. Estudou o primeiro ano de odontologia, deixando de lado os estudos assim que se casou.  Quando garoto trabalhou como alfaiate, logo se tornou  jogador de futebol do Atlético Clube Goianiense, professor de matemática, comerciante, fazendeiro, industrial e até minerador

Em seu currículo mais de 20 livros publicados e por diversas editoras; entre suas obras estão: O primeiro publicado; O QUE FOI PELO SERTÃO em 1956; em 1959 o SERTÃO O RIO E A TERRA; já em 1965, Bariane publica SERTÕES SEM FIM, pela editorada UFG. O último a ser publicado, fala sobre crônicas de 1940, narrou à primeira parte do livro pela Rádio Clube de Goiânia, já a segunda parte, o autor nos brinda ainda com crônicas recentemente publicadas por um jornal local.

 A sabedoria popular não poderia ficar fora desta listagem de obras de Bariani Ortencio, assim como a CARTILHA DO FOLCLORE, COZINHA GOIANA, e MEDICINA POPULAR DO CENTRO-OESTE. “Livro é igual filho, não se tem preferência por um; todos são iguais” Afirma o escritor. 

        

Neste tempo em que escreve Bariani publicou seis livros paradidáticos; ele afirma que gosta de incentivar a molecada a aprender a gostar de ler. Insaciável por escrever mais e mais, o autor já publicou de ficção científica a contos. “Não fiz nada ainda nesta vida, quero fazer muito mais Bariani participa a mais de 20 anos do programa FRUTOS DA TERRA em uma  televisão local e, quando se fala em política e religião é categórico ao afirmar que sobre política não fala, já sobre religião; critica algumas em que as denomina de” seitas “e aproveita pra dizer que em breve lançará um livro chamado SHOPPING DE CRISTO, falando sobre mulçumanos com a idéia de que DEUS tem um local pra eles e 50 virgens se matarem uma quantidade de pessoas.”Isso não é religião é loucura afirma, WALDOMIRO BARIANI ORTENCIO”.    

por Virgínia Furtado  

About these ads

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: